1. Bebendo Mijo E Chupando Buceta Na Viagem de Ônibus


    Encontro: 11/10/2018, Categorias: Fetiches, Bahia, salvador, Mijadinha, peludinha, ônibus, Viagem, enxugando a buceta, buceta mijada, calcinha molhada, Oral, Oral, chupando buceta, bebendo xixi, bebendo mijo, mijada, Mijona, pee drink, Chuva dourada, xixi, Heterossexual, Autor: Rickss.BA, Fonte: CasadosContos

    Estávamos eu e minha namorada em uma viagem de ônibus que duraria cerca de 7 horas, de Salvador para Ilhéus. Para a nossa sorte, o ônibus era bem confortável e não estava muito cheio. Minha namorada estava só com um vestidinho, com uma calcinha curtinha e a xoxota peludinha. Aproveitávamos bem a viagem, ficávamos nos pegando ali, uma mãozinha boba aqui e ali, e ela sempre me provocando. Ela adorava enfiar o dedo na buceta e passar na minha boca ou meu nariz, sempre falando para eu sentir o cheiro ou o gosto. Adorava lamber aquele dedo de buceta! Ela bebia muita água e sempre ia ao banheiro diversas vezes nas paradas do ônibus, pois não havia um banheiro nele. Na última parada o motorista avisou que iríamos viajar por mais três horas todos deveriam comer ou ir ao banheiro antes, pois não haveria parada. Minha namorada não estava com vontade e por isso apenas paramos para comer e beber. Eu estava cochilando, quando ela me acorda agoniada: - Rick, to apertada pra fazer xixi , será que vai demorar muito para chegar? - Ihh Sáh, vai demorar sim, o ônibus só vai parar daqui a duas horas... - O quê? Eu não vou aguentar não, estou muito apertada! Tem alguma garrafa aí, algum pote? - Não tem nenhum pote aqui para você mijar, mas eu posso dar um jeito... - Ah meu Deus! O quê? Que jeito? - Você pode mijar aqui na minha boca... (dando uma risadinha safada ela respondeu) - Tá louco? Alguém pode acabar vendo e também minha xoxota tá peluda e mijada de antes, não vou deixar você pôr a ... boca aqui... Foi depois disso que comecei a insistir, pedia para que ela mijasse na minha boca, pois ao mesmo tempo queria a buceta dela do jeito que estava. Ainda estava anoitecendo e como não havia ninguém do nosso lado, saí do meu lugar e fui para a frente dela, abaixei e fiquei de joelhos. Ela só fazia rir e falar o quanto eu era louco. Fui chegando perto e afastando as pernas dela para cada lado. Fui afastando a calcinha dela e chegando perto com o rosto, já sentia aquele cheirinho gostoso daquela buceta. Mal fui me posicionando, ela veio empurrando minha cabeça para mais perto e fala: Bebe tudinho então! Não deixa cair nada...Encaixei minha boca e ela foi fechando os olhinhos, começando a se aliviar. Ela começou a mijar na minha boca, saiam jatos finos e leves que logo foram engrossando e aumentando a força. Era gostoso ouvir aquele som do xixi caindo na minha boca. Ela deu uma rápida parada e pediu para abafar mais a buceta com a boca, ainda estava receosa de alguém ouvir o barulhinho do xixi. Posicionei melhor a boca na buceta dela, respirei forte e falei: Mija com tudo agora! Ela, sem qualquer tipo de pena ou controle, começou a mijar mais forte que antes. Eu estava quase para engasgar, tive que engolir o mijo bem rápido para não deixar cair também, ainda sim escorreu um pouco no meu queixo. Ela então parou um pouco e eu aproveitei para respirar. Porém, ela ainda queria mijar mais! E foi dizendo: Não acabou não, coloca a boca aí de novo que tem mais um pouquinho... Ao ...
«12»