1. Loucos Desejos -11- Peguei


    Encontro: 10/10/2018, Categorias: Gays / Homossexual, Autor: mrpr2, Fonte: ContoErotico

    Era domingo apesar de ser quase uma hora da tarde eu tinha acabado de acordar, ou melhor ser acordado por Marcia quase derrubando minha porta já querendo briga aproveitei o momento e terminei meu namoro com ela que não ficou muito feliz com a noticia e partiu para cima de mim me xingando e tentando me bater o que consegui conter segurando seus braços. Depois de muito se debater, me xingar e chutar cansou e resolveu ir embora.Eu estava me sentindo mais livre por ter terminado com Marcia, comi algo, assisiti um pouco de TV e decidi ir ao parque que fica perto de onde moro para dar uma corrida, pois era como se eu estivesse cheio de energia novamente.Coloquei um calção curto e folgado preto, uma regata branca com detalhes pretos e um tênis. Peguei a carteira, coloquei os fones e o óculos escuro e fui.Chegando ao parque me alonguei tinham algumas pessoas fazendo o mesmo. Cada cara com um corpo mais bonito que o outro, claro se exibindo uns para os outros como pavões e isso me tira um pouco do tesão, não curto quem se acha muito.Comecei a correr e para minha surpresa alguns metros a frente vejo Italo bebendo agua no bebedouro vestido como eu para corrida. Aproveitei que no momento naquele pedaço não tinha ninguém passando me aproximei e dei um beijo em seu pescoço o que fez com que ele se assustasse._ Calma sou eu, Alberto . Como esta gatinho? Ja esta sabendo da grande novidade? Quem é o mais novo solteiro, livre e disponível na pista?Perguntei apontando para mim com um enorme ... sorriso nos lábios._ É estou sabendo, minha prima esta arrasada, coitada._ Ela supera, tenho certeza que vai encontrar algum cara que a..._ ...Respeite como ela merece?Disse Italo._ Nunca desrespeitei sua prima._ Tirando dar em cima de mim, o próprio primo dela?_ Eu ja estava com intenção de terminar com ela._ Mas ainda estava com ela e pelo que fiquei sabendo..._ O que? O que ficou sabendo?Perguntei indo de encontro de frente a Italo que ia se afastando ate encostar em uma arvore._ Ficou sabendo que eu beijo bem?Disse eu quase encostando meus lábios no dele._ Que eu transo melhor ainda?Eu perguntei quase sussurrando em seu ouvido. A respiração de Italo estava forte._ Para! Pare com isso Alberto!Disse Italo colocando as mãos em meu peito fazendo uma pequena força, mas não o suficiente para me empurrar para longe._ Porque? Quer dizer que não quer? Acha que não percebi seus olhares para mim desde que me conheceu?_ Você e minha prima..._ Ja terminamos, estou livre assim como você._ Não é certo... Ela não... Não deixei que Italo terminasse a frase e o beijei, suas mãos permaneciam em meu peito e as minhas em sua cintura. Nossos lábios se encontravam se chupando minha língua invadia sua boca a procura de sua língua que logo procurava a minha meu beijo era correspondido. Escutei alguns passos se aproximando Italo me empurra e sai correndo. Um sorriso brota em meu rosto, pois confirmei que ele também quer, que também sente desejos por mim so preciso insistir um pouco mais e quebrar ...
«12»