1. minha primeira vez


    Encontro: 10/10/2018, Categorias: primeira vez que transei, Gays / Homossexual, Autor: Anônimo desde os 11, Fonte: CasadosContos

    Quando eu ainda era criança, tinha uns 11 anos, toda vez que eu vinha da escola, eu passava em frente a um posto de combutível e havia um frentista que sempre me cumprimentava, era um negro alto. E eu comecei a achar ele legal. e num certo dia, ele anotou o endereço dele e me pediu que eu fosse lá umas sete da noite. Eu não fui, e ele sempre me cobrava pra eu ir, então uma certa vez decidí ir lá, mas eu já desconfiava do que ele poderia estar querendo, eu também tinha vontade, mas tinha medo. Quando eu cheguei lá, ele estava lá na frente, e quando me viu soltou um belo sorriso e foi logo abrindo a porta do kit net. Não havia ninguém por perto, e então eu entrei logo. Eu já tinha a sensação de que iríamos transar, eu estava com muita vontade e muito nervoso também! Quando entramos no quarto, eu tirei logo a minha roupa e deitei na cama esperando por ele, então ele se despiu, e eu ví que a caceta dele era muito comprida e grossa. Isso me deixou muito excitado e na expectativa de que seria muito gostoso, pois, era mina primeira vez, eu nunca havia sido penetrado por ninguém, mas tinha muita vontade de fazer. Quando ele se deitou ao meu lado, ele segurou naquela picona, e disse: vem cá, dá uma chupada bem gostosa, que depois eu vou te fazer gozar bem gostoso. E eu cai de boca naquela picona, qua a minha vontade era tanta, que parecia até que eu já tinha experiência. Ele gemia de prazer e dizia que eu chupava muito gostoso. Isso me deixava feliz e com mais vontade ainda. Então ... ele me perguntou se eu já havia transado em uma pica igual a dele. Eu repondí que nunca havia transado com ninguém, e que, o que eu gostava de fazer era penetrar meu dedo em mim, e algumas vezes, eu penetrava um cabo de vassoura, mas eu cobria com um plástico. O cabo de vassoura, acho que penetrava uns 12 cm. Eu adorava fazer isso, fazia quase que todos os dias. Eu estava adorando chupar a pica dele, e ele percebeu isso e perguntou se eu queria que ele tivesse primeiro orgasmo na minha boca, e eu balancei a cabeça que sim. Uns cinco minutos depois ele gozou na minha boca, era muito esperma mas eu engolí tudinho. Eu estava muito felíz, pois era a primeira vez que eu estava fazendo de verdade e há muito tempo eu fantasiava fazer isso, e naquele momento era real que estava acontecendo. Mesmo depois que ele gozou, eu continuiei chupando aquela picona gostosa. Foi quando ele pediu que eu pegasse uma bisnaga que havia na mesinha perto da cama, era um creme, ele pediu que eu ficasse de quatro pra ele passar no meu ânus, pois aquele creme ia me lubrificar e também tinha efeito anestésico, o que facilitaria a penetração e que eu ainda ia sentir muito prazer. Prontamente fiquei de quatro pra ele me lubrificar e estava felíz, pois pela primeira vez eu ia sentir uma pica de verdade entrando em mim e eu também sentiria ela gozar dentro de mim. Foi quando ele deitou com a pica durona e pediu que eu ficasse chupando, enquanto o creme fazia o efeito, e realmente, enquanto eu chupava, eu sentia ...
«123»