1. Se deliciando com dois


    Encontro: 08/10/2018, Categorias: Fantasias, Autor: Branco Bahia, Fonte: ContoEroticoComBr

    Olha eu aqui novamente, para contar pra vocês mais um conto real em minha vida. Antes deixa eu descrever agente para quem não nos conhece. Sou branco, 1,67 de altura, cabelos pretos e peso 72kg e me chama de Branco. A esposa é morena clara, cabelos pretos até a bunda, seios fartos e uma bunda que deixa qualquer homem doido e a chamam de May. Mas vamos aos fatos. No último conto, falei que conhecemos um casal num site de relacionamentos adultos e saímos com eles. Depois desse dias e a esposa ficamos lembrando de tudo que fizemos e o que não fizemos e voltamos a conversar com eles, a conversa entre eu e o esposa do casal (branco) era praticamente diária, já tinha ido além do sexo e virado amizade, muitas vezes falávamos assuntos que não tinha nada haver com sexo. Mas foi numa dessas que marcamos uma outra saída, já tinha se passado mais de um mês desde a primeira vez. Como sempre minha esposa se preparou toda, se depilou, ficou toda cheirosa e vestiu uma lingerie branca que quase a ataco antes mesmo de sairmos. Nos encontramos num barzinhos e ficamos tomando algumas roscas pra descontrair e deixar as meninas mais soltinhas, quando percebemos que era a hora partimos para o motel. Chegando lá, fomos os primeiros a tomar banho, saímos somente de roupas íntimas e os dois foram tomar seu banho, quando vieram, minha esposa já me chupava loucamente com aquele rabo pra cima, nosso amigo branco não resistiu ao convite e ajoelhou na cama e começou a chupar a bucetinha de minha esposa, ... ela gemia e me chupava, num misto de tesão maravilhoso, a Lorena (esposa do branco) veio me chupar e dividir a minha caceta junto com minha esposa, delícia só de lembrar seja fico de pau duro, as duas hora chupava, hora se beijavam, para quem não viu uma cena dessas não tem a menor ideia do quanto é gostoso. Já não aguentava mais quando a Lorena teve um pequeno desconforto em sua saúde (depois ficamos sabendo que ela estava com a pressão alta) é preferiu ficar sem participar. Daí ficamos eu, branco e minha esposa, duas cacetas só para ela, tudo que ela queria, hehehe. Minha esposa começou a chupar nos dois ao mesmo tempo, hora chupava uma, hora outra, hora colocava as duas na boca ao mesmo tempo. Foi aí que branco me pediu para comer ela, e eu claro que disse pra ele ficar a vontade. Ele colocou a camisinha e começou a perturbar ela, colocando a cabeça e tirando fazendo minha esposa implorar para ele enfiar logo, ela já não aguentava mais de tanta pirraça. Foi aí que ele colocou e socou bem fundo deixando a caceta lá dentro, ela deu uma gemida que quase eu gozo naquele momento mas me segurei. Deu para ver a pele morena dela toda arrepiada, ela estava no êxtase. Ele começou a bombar devagar e foi aumentando, ela de quatro pra ele era a visão mais maravilhosa que um homem pode ter e a cada aumento da intensidade das enfiadas minha esposa gemia mais a ponto de as vezes esquecer que estava me chupando, mas o prazer de ver ela sendo comida por outra era maior de qualquer ciúmes ...
«12»