1. Amarrei e a fodi como sempre desejou!


    Encontro: 05/10/2018, Categorias: Fetiches, Fantasia, Amarrada, Chupada, espanhola, gordinha, Vaginal, gostosa, Oral, Gozada, safada, Heterossexual, Autor: Victor Lionheart, Fonte: CasadosContos

    Esse conto está diretamente ligado aos “Viajei para longe pela minha puta!” e “Minha puta gemeu e acordou o Hotel”, recomendo sua leitura para uma experiência mais excitante! A madrugada já tinha avançado bastante quando caímos exaustos na cama, com ela deitando sua cabeça em meu peito e uma perna por cima da minha, trocamos carícias até adormecermos. Ainda tenho mais dois dias com ela e apesar de tudo o que fizemos até aquele momento parecia pouco, nosso tesão aumentava a cada dia e bastava um simples toque para que nosso corpo começasse a reagir. Acordamos pela manhã pensando na volta para casa e nas 4 horas de estrada que enfrentaríamos, decidimos então curtir mais um pouco a cidade que estávamos e achamos um camping onde poderíamos aproveitar aquele dia de Sol forte e nadar no Rio Quente além de nos provocar por baixo d’agua como no parque aquático! Novamente as provocações começaram ao passar protetor solar em nossos corpos e reparei nas marcas que deixei na noite anterior durante as horas que fodemos forte! Sentia ela se contrair quando tocava algumas delas e isso me excitava, adoro deixar as minhas putas marcadas para que se lembrem de mim! Entretanto, ela me fez perceber que também havia me marcado bastante e fazia questão de apontar cada uma delas, com um sorriso cheio de malícia: - Sabe que mais tarde, vai ter mais iguais a essas, né? - Disse apertando com o dedo em cima de algo que imagino ter sido um arranhão! - Não vejo a hora, mas saiba que tenho algo em mente ... para hoje a noite, quando chegarmos em casa! - Ah é? O que? - Segredo! Me aproximei de seu ouvido e completei: - Hoje a noite, vou acabar com você! Ao terminar de falar, vi que havia mordido os lábios e os pelos de seu corpo se ouriçaram me deixando ainda mais excitado! Adoro ver as reações que provoco, as expressões de tesão no rosto, o corpo se contorcendo ao receber estímulos e carícias, as contrações durante um orgasmo e os arrepios causados pelo prazer durante o sexo, não abro mão de fazer minha parceira gozar e a minha Puta expressa tudo isso como nunca havia visto antes! Aproveitamos o dia todo dentro do rio, por ser um lugar menor e muito cheio, não pudemos repetir o que fizemos no parque, mas não faltaram provocações por ambas as partes, carícias mais quentes e beijos cheios de malícia! Deixamos o Camping no final da tarde e pegamos a estrada direto, uma viagem longa e cansativa de carro, porém bem proveitosa! Chegamos em casa já tarde da noite e estávamos desgastados da viagem, porém, isso não nos impediu de nos atacar assim que fechássemos a porta! Nos beijamos e já começamos a arrancar nossas roupas em direção ao sofá, onde a deitei de pernas abertas e afastando sua calcinha de lado comecei a chupá-la faminto, mamando seu grelo e me lambuzando com o melzinho que já escorria de sua buceta. Não demorou muito a gozar e então se levantou, me empurrando contra a parede se ajoelhando e tirando minha pica dura para fora da boxer me chupando da forma deliciosa que sempre ...
«123»