1. Esposa loira rabuda e amigo caralhudo


    Encontro: 27/09/2018, Categorias: caralhudo, Amigos, rabuda, Esposa, Traição / Corno, Heterossexual, Autor: Corno frouxo, Fonte: CasadosContos

    Olá boa tarde meu nome é Pedro sou casado com Vanessa uma loira de 1,70 de altura cabelos loiros até a cintura seios médios, uma bunda grande estilo mulher melancia, seios médios durinhos e bicudos, vamos ao que interessa eu e a Vanessa nos damos muito bem estamos casados a 2anos tenho 28 anos e ela 26 sou formado em direito e ela formada em educação física mais fica em casa pois ganho muito bem no escritório que abri junto com mais dois amigos, então um dia um grande amigo de infância que não via a uns 5 anos alugou uma casa ao lado da nossa e consequentemente passamos a nos ver diariamente e também percebi o quanto ele secava minha esposa que parecia não perceber eu fingia que não via e levava numa boa a Vanessa em casa só usa shortinhos curtinhos as vezes sem calcinha, passado alguns dias em torno de um mês esse amigo que vivia em minha casa foi ficando mais atrevido e falava que minha esposa era gostosa demais pra ser só minha e que ela tinha que ser mulher de corno, eu sempre levava na brincadeira por conhecer ele a tempos, e pra dizer a verdade ouvir ele falando assim daminha esposa estava até me dando tesão, um dia fui na casa dele ele estava no banho quando saiu enrolado na tolha e deixou a toalha cair ficando com uma piroca enorme dura igual pedra, ele disse que média 23cm grossa cabeçuda e um saco grande com duas bolas gigantes eu que não sou gay achei aquele pau lindo, ele viu que fiquei olhando e falou Pedro imagina a Vanessa chupando minha piroca e eu batendo ... com ela na cara da puta da sua esposa e ele segurava aquele caralho e batia na mão chegava a dar estalos, eu fiquei rindo e desconversei e saímos depois desse dia comecei a me masturbar pensando na minha esposa se acabando naquela rolona dele, um dia estávamos em minha casa e Vanessa começou um shortinho socado no rabo com quase metade da bunda de fora e Paulão chegou em minha casa trazendo uma caixa de latas de cerveja mais o que chamou atenção foi que ele estava apenas de chinelo de dedo e o short que ele usava esses de jogador de futebol e parecia estar sem cueca pois ele andava e aquela picona dele balançava, ele já com intimidade com nós dois e a Vanessa pois a cerveja pra gelar é ficamos conversando e o Paulão não tirava os olhos do rabo da minha esposa enquanto ela continuava os a fazeres domésticos e ele olhava pra ela na cara dura sem se importar comigo e quando a Vanessa sentou junto com a gente pra tomar cerveja ele pois um dos pés no sofá e deu pra ver que ele estava realmente sem cueca pois ficou aparecendo um saco enorme e as bolonas dele toda lisa sem pelos seus pra perceber que a Vanessa estava olhando fixamente para o pênis dele e ele fingia que não percebia o que acontecia, ela disse que ia tomar banho e levantou e foi depois de uns 10 minutos ele falou que queria espiar ela no banho eu falei pra ele parar com aquilo pois já estava passando dos limites ele levantou e veio em minha direção pos o dedo na minha cara e me mandou calar a boca se não ia me comer na ...
«1234»