1. Me ame de verdade 5 (último capítulo)


    Encontro: 08/10/2017, Categorias: selvagem., Sexo, Química, assalto, Alunos, Teens, Amigos, Gays / Homossexual, Autor: Samuan, Fonte: CasadosContos

    Chegamos a praia em Maceió, sinceramente, muiiito lindo, tudo aquilo era maravilhoso, tudo ficava ainda mais lindo na presença do Igor. Igor: lindo ne B? Eu : muito, lindo como você Igor: rs, te amo! Eu: também te amo. Enquanto isso, Andressa e Breno estavam felizes, até que em fim os dois estão se entendendo, e me deixando em paz, porque o Breno não consigo suportar, a Andressa estava uma chata quando estava separada do Breno, então é melhor essas pragas juntas. O restante do pessoal estavam se divertindo pra caralho, aproveitando aquela água gostosa, a areia fresquinha, e o vento suave batendo no rosto, gente o que era aquela praia, um sonho, muito linda. Obviamente tirei varia selfies, que ao passar das horas, a paisagem contribuía mais, e mais pra que as fotos saíssem perfeitas, diria até que umas saíram Tumblr 😹😹, essas com certeza iriam para meu instagram, Igor não queria tirar fotos, mas consegui 2 fotos com ele. Quatro horas, fomos para as cavernas que tinha na praia, fomos de barco, o barco deixava quem queria ficar lá, e iria buscar uns 30 minutos depois, por sorte só ficamos eu e o Igor, é 30 min, era tempo suficiente para fazermos amor na quela caverna. Subimos em uma rocha, larga e lisa. Igor: tira minha roupa amor! Eu tirei toda sua roupa, e ele fez o mesmo comigo. Igor: Eu quero que cada, nosso amor seja lindo, e duradouro, mesmo que possa enfrentar obstáculos, passaremos por isso juntos. Eu: sei que faz pouco tempo que estamos juntos, mas sei que quero ...
    passar muitos anos de minha vida, ao seu lado, sei que nada dura para sempre, mas irei aproveitar, o máximo que isso durar. Igor: eu também. Ele me beija, suave mente, me deixando arrepiado, eu já estava com frio, e os beijos dele me arrepiando, a cada beijo que ele me dava eu fechava meus olhos, para apenas sentir aquele momento, ele me muda de posição, com total controle do meu corpo, me põe em uma posição em que ele possa ter uma visão da minha bunda, ele começa a dedar, enfia um, dois dedos, eu gemia baixo, ele pôs o pênis pra fora, cuspiu nele, e na porta do meu cu, e estocou, no inicio foi muito dolorido, mas ao passar a 3° estocada, foi ficando gostoso, deitei de lado na rocha, ele passou a me comer de conchinha, a quela cena estava digna de filme de Hollywood. Por fim, Igor acabou gozando dentro de mim, e eu gozei em cima da rocha. Quando o barqueiro voltou, estávamos pondo a camisa, ele olhou desconfiado, acho que deve ter pensado em algo que havíamos feito. Subimos no barco, e voltamos para a praia, sentamos na cadeira colocamos nossos óculos, ficamos lá tempo suficiente para assistir o sol se pondo. Eu segurei na mão de Igor, e falei -"Você foi a melhor coisa que já foi minha"- FIM Transição: Novo conto - BANHEIRÃO (15 ANOS DEPOIS) IGOR E EU, HAVIAMOS ADOTADO UM MENINO DE 5 ANOS, ISSO A 12 ANOS ATRÁS, HOJE O GAROTO ESTAVA COM 17ANOS, IGOR ENCONTROU ELE NA RUA, SUA MÃE, SEGUNDO ELE FOI MORTA PELO PAI, QUE SE MATOU, HISTORIA CONFIRMADA PELA POLÍCIA, EU E IGOR FIZEMOS ...
«12»