1. Madrastas Adestrando I


    Encontro: 11/09/2018, Categorias: Sadomasoquismo, Autor: andreadoria77, Fonte: ContoErotico

    Madrastas Adestrando IBoa noite. Esse é um conto bem louco não fictício de dominação e um pouco de humilhação, se você não gosta não leia. Mas se gosta... Bem, éramos vizinhas onde morávamos quando ainda não tínhamos nem namorados eu e a Kelly, e conhecíamos dois irmãos deliciosos que anos depois se tornaram nossos maridos, ambos ricos com quem nós duas perdemos as virgindades com eles, ela se casando com o que me pegou e vice-versa, mas então nós temos 30 anos, eu sou a Luana, branca e com cabelos escuros encaracolados, baixa magra e tarada com seios grandes, ela mais morena e alta com corpo longilíneo mas me matando de tesão pois fora a única mulher com quem dei um amasso, convivemos com nossos enteados o Lucas e o Sandro, o Lucas o meu com 18 anos e muito educado, o Sandro de 20 anos o dela já mais encorpado e mais macho que o Lucas, em todos os sentidos... Moramos no mesmo prédio e como toda madame que se preze, temos nossos amantes, vez que nossos maridos se preocupam em dinheiro e sabemos que comem muitas mulheres, vez que viajam sempre e com dinheiro sempre se tem mulheres, meu comedor oficial é meu personal da academia e o dela um porteiro aqui do prédio, já fizemos umas coisas a quatro e sabemos bem uns dos outros, e teve um dia em que faltou luz no prédio, eu acabei ficando em casa sozinha com a Kelly e bateu uma coisa em nós duas, ela sempre foi mais durona que eu, e logo o clima esquentou, nossos enteados estavam no apartamento dela sem ter como subir ao meu ... jogando vídeo game, ela fez como nos velhos tempos e mandou eu mamar seu grelo enquanto tragava seu inseparável baseado, eu gozando colocando minhas mãos em súplica na minha xana, ela se cansou e me deu um para fumar enquanto abria minas pernas e mastigava meu grelo com sua língua sádica, rindo e falando:- Eu sempre tive esse lado dominadora... Um dia te explico isso bem direitinho!!!Eu já vira essas coisas na Internet e sabia bem as loucuras, e ela com sua imensa língua (operada) penetrava minha xana, eu fumando e vendo coisas tenebrosas que faziam nos vídeos, na verdade aquilo me dava tesão... E eu gozei muito na sua língua, ela rindo e nós relaxando na piscina da cobertura, mamávamos nossos seios com muito gosto, éramos quase namoradas... A luz voltou e ela estava um pouco bêbada também, tomamos tequila para adoçar essa gostosa lembrança, e fomos então eu e ela para o seu apartamento sem avisar os meninos, ela sabendo se fazer de lúcida e entramos em certo silêncio quando vimos então o mais engraçado que pode ser, na verdade o Lucas vendo uns vídeos de mães e filhos com dominação era mamado pelo mais forte Sandro, que falava meu nome, eu quis rir mas a Kelly comigo ficou assistindo até o Lucas ficar de pé e lançar espessos jatos no Sandro, se eu estava indignada imagine a Kelly, que mordeu meu grelo e voltamos a cozinha, onde fizemos barulho e ela me disse ter um plano, não sei se feliz ou puta, mas no dia seguinte eles estavam no colégio quando ela me mostrou um monte de ...
«1234»