1. Minha sogra


    Encontro: 01/09/2017, Categorias: Incesto, Autor: Geovane Silva, Fonte: ContoEroticoComBr

    Bom dia amigos. O que venho contar aqui foi uma história verídica. Meu nome é Geovane, sou casado,fiz uma festa em minha casa e chamei vários amigos, inclusive foi minha sogra solteira. A festa começou umas 21:30 foram chegando alguns casais de amigos, pra lá de meia noite que minha sogra chegou. Linda, 1.70 de altura, peitoes grandes, um rabo de fazer inveja a muitas dancarinas de forro. Muito churrasco, muita bebida e a mulheres começaram a se soltar, dançavam, maioria delas de vestido e quando coloquei um funk enlouqueceram. Dançavam até o chão. Algumas até mostrava de mais. Depois de muita bebida algumas delas começaram a querer ir no banheiro. Resevei um wc para os homens na parte do quintal e o dentro do meu quarto deixei para as mulheres. Minha esposa dançava muito, percebi que ela estava bem alta já e minha vontade de come lá tava enorme. Algum tempo foi passando e algumas amigas foram perguntar onde era o banheiro feminino e minha esposa ia mostraR. De tanto ela é ir vir. Ela falou pra mim: vou aproveitar a festa, vc mostra o caminho do banheiro agora. Minha sogra parece q tinha ouvido ela dizer aquilo, passou uns minutos e ela disse quero ir no banheiro. Minha esposa falou vai é a sua vez… Vou sim amor. Minha sogra com um vestido curto rodado eu estava de pau duro só pensando em algum deslize dela pra mim ver aquele corpo. Aí uma amiga disse eu vou tb. Pensei cmg pqp vai atrapalhar. Mais fiquei na minha e fui. Chegando no quarto minha sogra logo falou vou ...
    primeira pq tô muito apertada. Tá certo. Ela entrou e minha amiga ficamos ali no quarto escuro esperando minha sogra sair. O q eu n imaginavá era o q tava prestes a acontecer. Minha sogra sai e vai só pra área onde tava o restante dos amigos inclusive minha esposa. Essa minha amiga entra e fico esperando ela sair. Ela entra no banheiro, fecha a porta e ao sair fala pra mim: sua sogra tirou a calcinha e deixou aqui. Eu fiquei de boca aberta com aquele minúsculo tecido. Em seguida minha amiga diz: vc ainda continua aquele safado do tempo de colégio? Respondo:Continuo sim. Em seguida pega no meu pau e começa o alisar por cima da bermuda, em seguida taco um beijo nela e chamo ela pro canto da porta pra ficar de olho pra ninguém n vim enquanto ela faz um boquete em mim muito gostoso. E digo a ela eu vou gozar sua cachorra e ela para e me diz a noite é uma criança e sai para o quintal e fico puto, mais sabendo q ia rolar mais alguma coisa. Fui no banheiro e dei uma cheirada na calcinha da minha sogra e imaginando não só ela mais a minha amiga tb peladinhas. Volto para a área e minha esposa perguntar pq demorou e inventei uma desculpa rápido sujaram nosso banheiro todo e ela ficou putá e disse: falei q era pra seR um banheiro só, então fique responsavel de ir limpar toda hora que elas forem no banheiro. Eu respondi sem problemas amor. Pode deixar. E colocamos um forrozim pra tocar e todo mundo pegou seus pares pra dançar e peguei minha esposa ela sussurrando no meu ouvido que hj ela tava ...
«12»