1. MEU CUNHADINHO ME CHUPOU INTEIRINHA


    Encontro: 27/02/2019, Categorias: Incesto, Autor: coxagrossa, Fonte: ContoEroticoComBr

    sofá quando eu me abaixei ele me abraçou pela costa encaixou as duas mãos nos meus seios dando uma em cochada na minha bunda, aquela mão apalpando o meu seio e aquele pau duro esfregando na minha bunda me deixou muito excitada eu me despedi da minha sogra e fui me embora pra casa e claro que eu já fiz isso de caso pensado porque eu tinha a certeza que o meu cunhadinho viria atrás de mim e não deu outra foi só por o pé na rua que ele apareceu e me acompanhou até em casa e foi só pisar dentro de casa pra ele socar a mão na minha bunda e foi me alisando até chegar no quarto coloquei a minha filha no berço e a minha calcinha já estava no meio das minha coxas e aquela mãozinha macia já estava no meio da minha bunda tirei a blusa coloquei os seios pra fora e falei agora chupa seu filho da puta ele segurou nos meus seios e começou a apalpar com as mãos tremulas e geladas ai eu me deitei na cama tirei a calcinha e abri as pernas meu cunhadinho ficou paralisado olhando pra minha buceta peludinha e até esqueceu dos meus seios ele ficou sem saber o que fazer e gaguejando ele falou que delicia posso por a mão eu falei por a mão você não falou que queria chupar então agora você vai chupar e chupa logo se não eu desisto primeiro ele colocou a mão apertou alisou e depois ele começou a passar a língua bem de vagar Zinho e começou a chupar eu já estava doidona de tesão e me lembrei dos meus tempo de solteira ai eu me levantei tirei a sua roupa e mandei ele deitar se na cama eu deitei por ...
    cima dele coloquei a minha boceta em sua boca e comecei a chupar o seu cacete que pela a sua idade já era do tamanho do cacete de um homem adulto aquilo estava uma delicia eu rebolava na sua boca e chupava o seu cacete que de tanto tesão até latejava na minha boca ele me chupava com tanta euforia e desejo que o meu tesão explodiu e eu gozei na sua língua eu rebolei tanto e acabei lambuzando a sua cara inteira de tanto que rebolei e acabei esfregando a boceta em sua cara depois eu fiquei de quatro e falei quer comer a minha bundinha ele riu e falou é logico que eu quero ele começou a alisar a minha bunda como que se fosse uma joia preciosa depois ele começou a passar a língua no meu cuzinho e na bocetinha ele deixou o meu cuzinho bem molhadinho e colocou dois dedos no meu cuzinho mexeu, mexeu e socou o cacete na minha bocetinha socou o cacete inteirinho na minha bucetinha e começou a fazer um vai vem bem gostoso eu comecei a rebolar e a gemer de tanto tesão ele aumentou o ritmo do vai vem e começou a delirar ele me chamava de gostosa de bunduda e falava que ia comer o meu cuzinho e com o dedo dentro do meu cu ele não aguentou esperar mais e deu uma gozada bem gostosa na minha bucetinha ele tremia tanto que eu não sabia se era de cansado ou se era de tesão pela minha bunda depois eu peguei ele pela mão e levei o até o banheiro para tomarmos um banho deixei que ele ensaboasse o meu corpo para satisfazer o seu desejo de me acariciar e me apertar bem a vontade e só de sentir aquela ...