1. Tia Beth – uma trepada inesquecível


    Encontro: 10/02/2019, Categorias: Incesto, Autor: morenosedutor9, Fonte: ContoErotico

    ajudar.Fala isso num sorriso lindo, doce... O pau encontra seu caminho sinto os pelos e a umidade do lugar, vou enfiando, tateando esse lugar novo da mulher que me abraça a cintura....Lembro até hoje daquele momento, de como Beth me recebia de um jeito especial, sem dizer nada, ela compreendia aquele momento meu da descoberta da outra pessoa.A loucura e a ternura se revezaram naqueles momentos, o desejo e a descoberta.....Afundo, nesse mundo opressor que é a buceta quente de uma mulher louca para ser fudida, comida – faço movimentos lentos sentindo o calor desse novo ambiente. Sinto os lábios carnudos dessa boca sem língua que Beth tem entre as pernas. Meu pinto entra e sai nesse mundo molhado, estranho mundo novo, movo com mais intensidade, ela ajuda me apertando a bunda, a outra me acaricia a face.Movemos num ritmo frenético, intenso, o tesão vai voltando à tona.- Aannhh!! Delicia querido vai... vem meu bem.- Tia... eu... tôoo...- Vem querido, goza..., goza tudo..., sem vergonha.- AAnnhh!!! UUnnhhhhh!!!- Lança sua porra no fundo de mim, vai... fazzzz.- Nôoo...O pau ganha vida, de novo sem minha ajuda ele reage pula, cinto que esguicho meus jatos quentes... Caio de boca na boca de Beth, urro, berro, grito enquanto ainda lanço dentro dela as últimas gotas que me saem machucando a pequena boca do pênis.- Delicia, gostou?...Faço um sim e ela me vira e fica por cima de mim, jeitosa faz isso sem que meu pau saia dela. Senta sobre minha cintura e apoia as mãos no meu peito.- ...
    Minha vez... me ajuda querido, também queroFaz um movimento de sobe e desce, estou cansado meio flácido, mas o jeito como ela fala e faz me obriga a concentrar no que preciso....Quem dera se hoje tivesse o mesmo folego......Ajudo movo como possível, ela se inclina sobre mim e os peitos balançam soltos à frente, ergo e seguro os seios grandes...- Annhhh.... Annhhh!!!...ela começa a gemer, vejo seus olhos fechados, está concentrada no que faz, seguro seus bicos crescidos e firmes...- Uuuuii..., bom continua meu bem......ela se inclina, engulo o bico mordo puxo estico, ela mexe com mais rapidez a cintura molhada e tarada, o pau vai cada vez mais dentro. Seguro suas coxas, ela agarra meus cabelos, começo a mover minha cintura subindo e descendo...- Isso meu amor, meu sobrinho safado, putinho......movo com mais força mais desejo, agora ambos gememos mesmo beijando.- Aannhhh!! Uunnhh!!Ela chega sinto minha cintura molhada quente, não sei o que é, não entendendo, não sei se é meu ou dela... Beth escorrega de lado, suados cansados, arfamos extenuados. Ela me aperta a mão e sorri um sorriso cumplice.- Meu homem, meu macho...Ri, gargalha do que fala..., fala olhando para o teto do quarto onde estamos.- Tirei sua virgindade, de todas as maneiras..., quase todas......Magistral..., esse momento, as horas, o dia. Houve outras, poucas iguais a Beth – minha insaciável tia...Se gostar deixe seu voto e seu comentário.Continuação do texto: Tia Beth – uma paisagem excitante (leia toda a série da Tia ...