1. Minha Primeira Mulher


    Encontro: 07/01/2019, Categorias: prostituta, fisting, madura, 1a vez, vibrador, Masturbação, Lésbicas, Lésbicas, Gays / Homossexual, Autor: Lobo Branco, Fonte: CasadosContos

    Me chamo Paula, tenho 30 anos, sou fisioterapeuta, solteira, tenho lindos seios siliconados, bumbum gostoso e um corpo malhado. Sou casada, mas tenho um vício incorrigivel de trair meu marido, principalmente com mulheres. É algo que adquiri nos meus tempos de faculdade, foram tempos dificeis, em que eu me prostituia para pagar as contas(aluguel, faculdade, etc) pois minha familia é pobre e sem recursos para me manter estudando em outra cidade. Nesse período de minha fiz sexo de todas as maneiras possíveis, com muita intensidade e regularidade, e creio que devido a isso me tornei uma mulher tarada. Penso em sexo o dia todo e me excito e gozo com extrema facilidade. Hoje tenho estabilidade financeira, sou bem casada, tenho meu proprio negócio, mas a puta dentro de mim jamais vai desaparecer, e para amenizar as traições ao meu marido eu transo sempre com mulhereres... quer dizer... quase sempre...rssssEstou aqui para contar-lhes como experimentei a minha primeira mulher: Eu tinha 19 anos quando um dos meus clientes regulares, um homem de uns 52 anos me disse que ele me pagaria o valor de dois programas se eu chegasse a sua casa e fizesse sexo com sua esposa. Ele disse que ela era 10 anos mais nova que ele e queria transar com uma jovem. Ele me disse que ela realmente queria uma ninfeta, menor de idade, tipo de uns 16 anos, mas ele tinha medo de eles serem presos por isso. Então se eu topasse transar com ela, teria que mentir minha idade para ela. Eu nunca havia transado com uma ...
    mulher, mas estava disposta a fazer pelo dinheiro e pelo pensamento de que isso poderia me abrir outras oportunidades, então eu topei. Fomos para sua casa, ele estacionou na garagem rapidamente e entramos pela porta dos fundos. Na sala de jantar, nós encontramos a sua esposa. A primeira vista, ela não era uma mulher atraente, tinha cabelos pretos mau cuidados e não se vestia bem. Ela levantou-se da poltrona, e pude ver imediatamente que tinha uma figura muito bonita. Ela estava vestindo um vestido simples, desses de usar em casa, de um padrão floral e tinha um bom conjunto de peitos, provavelmente tamanho 46. Seus olhos brilharam quando ela me viu e veio correndo apertar minha mão, sua voz soou bastante rouca, quanto me disse o quão bonita eu era. Ela disse que não queria perder nenhum minuto e queria ir direto para a cama. Eu a segui e seu marido veio logo atrás, o quarto era enorme com uma cama grande e uma área de estar. Ele sentou-se em uma poltrona em um canto próximo e ela veio até mim, pôs as mãos em meus braços e, inclinando-se lentamente, ela me beijou suavemente nos lábios. Sua respiração fedeu a álcool. Ela não tinha maquiagem, mas havia um forte odor de perfume. Ela me beijou muito suavemente enquanto a língua escorria para dentro e para fora da minha boca. Então, ela deslizou as mãos pelos flancos do meu corpo até o meu quadril, onde agarrou a minha bunda apertando e puxando para cima com energia, fazendo-me sentir meu cuzinho se abrir. Ela então deslizou as mãos ...
«1234»