1. NA CAMA E ENTRE DOIS TIOS. 2/2


    Encontro: 04/01/2019, Categorias: enrabado, dp, Dupla penetração, Familia, cuceta, ENORME, jeba, cu peludo, peludos, tio e sobrinho, Incesto, Tio, titio, peludo, Diálogo, quente, sobrinho, cacete, Porra, MACHO, farda, policial, Incesto Gays / Homossexual, Sacanagem, Foda, piroca, pistola, grande, grosso, falando putaria, Putaria, Fazenda, cama, lambida no cu, atolado, cabaço, Virgem, DESVIRGINADO, esporrado, Gays / Homossexual, Autor: lubebutt, Fonte: CasadosContos

    _ O problema é que ao contrário dele, vou “tentar” ser fiel, o que acaba com as esperanças e planos de vocês . Não posso brincar de nada com nenhum dos dois. Sinto muito!!!! Acho que vou para minha cama. É óbvio que no estado em que estavam, eles iriam fazer de tudo para me traçar. Fizeram e traçaram. Como TRAÇARAM!!!!!! _Poxa Rubinho, você tem coragem de nos deixar neste estado. Nossa!!!! Estamos estourando de tesão. Pegue aqui um pouquinho. Pegue. Disse Tio Jorge tentado levar minha mão até seu mastro. _ Infelizmente titio, não vou poder. Estou “tentando”, ser fiel. Já disse. Na maior esperteza Tio Edilson falou: - Tentar não é conseguir, certo? Dom uma carinha bem provocativa disse: - Certo. Quer dizer, não sei onde quer chegar, Titiiiioooooo! SÓ SEI QUE PRECISO RESISTIR BRAVAMENTE. Deixem – me voltar para minha cama. Que tal só uma pegadinha em nossos porretes. Aposto que vai adorar além de ser uma excelente oportunidade de você se vingar do Geraldo. Ele é nosso irmão mas com certeza não deveria ter nos contado nem que está te fodendo sem dó nem que tem mel dentro desse seu cuzinho. Desde que ele nos contou que estamos sonhando com abelhas e ferrões todos os dias. Se pensar em vingança vai até implorar para receber nossos ferrões de zangões em teu precioso anelzinho. Olhei para os dois, quase gozando com aquela situação. Não estava mais aguentando me segurar, mas para me deliciar ainda mais com aquela situação, tive uma ideia e disse-lhes: _ Acho que nenhum dos dois me ... entendeu. O que eu disse, foi que “EU” estava tentando ser fiel, mas vocês não tem esse compromisso. Estão aqui loucos pelo meu rabinho; Ou não? Os dois tem mãos, bocas, rabos e pistolas. _ Quem sou eu para impedi-los de tentar conquistar meu anelzinho, a pouco disvirginado pelo seu irmão. E se vocês pensarem bem, se ele não tivesse sido ousado lá em casa, eram vocês que estariam com meu cabacinho na ponta dos seus cacetes. _ E uma coisa eu não posso negar. O danado sabe meter pra caralho. Acreditam que meu cuzinho virgem aguentou aquela tora de uma só vez e que praticamente não senti dor nenhuma ? Então..... Antes de acabar de falar, senti uma mão retirando minha cueca na maior rapidez e uma boca sugando meu cacete. Pronto. Foi o suficiente para eu me entregar todo, Meu cu disparou a piscar, minha porra chegava perto da cabeça da rola para sair e eu com muito custo segurava. -Ischhhhhhhhhhhhhhh!!!! AAAAIIIIIIIIIIIIIIIIII! HUMMMMMMMMMMMM! Chupa Tio Jorge, Chupa minha rola. Aaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.hummmmmmmmmmmmm! Nossa Tio Edilson, já enfiou dois dedos. PORRA, QUE FOME DE CU, HEIM,,,,!!!!!!!!!!!! _ Nossa sobrinho! Como você é correto. Disse que não ia fazer nada, e não fez heim! Não se preocupe. Nós é que estamos fazendo, sabemos que você esta lutando contra seu prazer, viadinho. Hummmmmmmmmmmm!Ischhhhhhhhhhhhh! Okkkk rola gostosa. Putz! Hummmmmmmmmmmmmmm! Mama um pouquinho Edilson. Olha que delicia esse sobrinho. Hummmmmmmmmmm!Ischhhhhhhh! E não negou a raça. Que ...
«1234»