1. Meu Delegado - Capítulo 26


    Encontro: 06/12/2018, Categorias: Heterossexual, Autor: erodev, Fonte: ContoErotico

    SophiaSuas mãos passavam lentamente pelas laterais do meu corpo, fazendo-me arrepiar porcompleta. Ele leva a sua boca para o meu ouvido e fala bem baixinho, me fazendo arrepiarmais ainda.- Senti tanto a sua falta... – logo abaixando e deixando uma leve mordida em meu pescoço eem seguida um beijo no mesmo lugar. – Senti falta do seu corpo assim no meu. – ele descesuas mãos para a minha bunda a apertando de leve e um gemido involuntário sai de minhaboca. – Senti falta do seu beijo.Ele toma a minha boca na sua em um beijo lento, mas ao mesmo tempo muito excitante,sinto as suas mãos agora na minha cintura segurando-a com força forçando o contato dosnossos sexos.Suas mãos vão agora para a barra da minha camisola e a levanta lentamente, por um instanteele separa nossas bocas e passa com a camisola pela minha cabeça retirando-a por completo.Meus seios estão totalmente amostra e o Rodrigo os olhava como se fosse coisa de outromundo, ele morde o seu lábio com força e leva as suas mãos aos meus seios segurando-oscom força fazendo-me gemer.- Oooh Rodrigo.Ele os aperta com ainda mais força e em questão de segundos ele já estava com um dos meusseios na boca chupando-o com vontade, enquanto apertava o outro. Eu estava muitoexcitada e por conta disso rebolava lentamente em cima de sua enorme ereção. Ele começa achupar o outro seio, mas não demorou muito e em um movimento muito rápido nos virou nacama, ficando por cima de mim.Nossas bocas se grudam novamente e suas mãos apertavam com força a ... minha cintura, oRodrigo esfregava sua ereção na minha intimidade com força e isso me fez separar as nossasbocas e soltar um gemido alto, até demais.- Shiiiu meu amor, assim você vai acordar a casa inteira.- Então para de me torturar, Rodrigo, eu não aguento mais, eu quero você dentro de mim. –digo me mexendo lentamente debaixo dele.- Você vai me ter dentro de você, meu amor. – diz e funga o meu pescoço. – Mas antes eu voumatar a saudade que eu estava do seu corpo. – ele deixa um chupão no meu pescoço e logoem seguida um beijo. – Vou te chupar todinha, primeiro...- Aaah.Ele deixa um rápido selinho em minha boca e vai descendo distribuindo beijos, chupões e mordidas por todo o meu corpo. Ele para na minha barriga e alisa a sua mão sobre apequena cicatriz do tiro, ele deixa um beijo sobre ela e continua descendo com os seusbeijos. Assim que chega à minha intimidade ele abre com rapidez as minhas pernas fazendocom que eu ficasse totalmente exposta para ele e deixa um beijo nela, ainda tampada pelapequena calcinha vermelha que eu vestia.Em questão de segundos sinto as suas mãos nas laterais da minha calcinha e as retira de mimjogando em qualquer canto do quarto, ele passa suas mãos pela minha intimidadedelicadamente e logo as substitui pela sua língua.- Aaaah Rodrigo.Não consigo conter o gemido que saía de minha boca, eu estava fervilhando de prazer, euqueria contato, minha intimidade pulsava querendo ardentemente senti-lo, e a cada minutoque passava sem tê-lo era uma tortura pra ...
«1234...»