1. Minha Funcionária Safadinha – Parte 2


    Encontro: 06/12/2018, Categorias: Traição / Corno, Autor: fazendeirors, Fonte: ContoErotico

    botei ele na boca dela e disse, lambe tudinho cada gotinha. Não tenho a menor dúvida que foi uma das melhores chupadas que já recebi.Segurei ela pelos braços, ajudei a levantar e fomos em direção a minha mesa. Tirei seus sapatos, abri o cinto, o botão, o ziper da calça e fui tirando centimetro por centrimo, descendo e beijando a barrida, por cima da calcinha que estava meladinha, continuei beijando suas coxas até chegar nos pés. Subi beijando pela outra perna, coxa, virilha, beijei e cheirei com o maior tesão do mundo por cima daquela calcinha, o que já me deixou louco novamente. Tirei tudo que estava atrapalhando em cima da mesa, deitei ela de barriga para cima só de calcinha, dei outro beijo por cima da calcinha dela, subi beijando a barriguinha, os seios, essa altura o tesão já estava a mil de novo e eu de pau duro louco para comer ela todinha.Chupo enloquecidamente seus seios, aperto, mordo, seguro um na mão e o outro na boca, beijo sua barriga, chego na calcinha, ela encolhe as pernas e começo a tirar lentamente, olhando aquela bunda deliciosa que sempre me deixou morrendo de tesão. Tiro a calcinha e volto beijando suas pernas até chegar naquele tesão de buceta, lisinha, linda, cheirosa, rosadinha, muito melada. Começo a chupar e lamber ela inteirinha, enfiando a lingua o mais la dentro que consigo, que buceta deliciosa, que gostinho fantástico, continuo chupando e a esta altura já enfiava 2 dedos dentro dela. Ela gemia gostoso, puxava meus cabelos pedindo mais, mandava ...
    eu enfiar mais rapido e chupar gostoso a buceta dela.A essa altura já estva deu pau duro e morrendo de tesão para comer ela todinha, parei de chupar levantei, segurei ele na mão e comecei a brincar na entradinha de sua buceta. Lambuzei toda a cabeça na entradinha daquela delicia. Pri só pedia, enfia vai cachorro, me come toda, estou morrendo de tesão por esse pau gostoso. Ela colocou as pernas nos meus ombros, e comecei enfiar sentindo ela engolir todo meu pau, foi entrando lentamente, naquela delicia molhada e quentinha. Começamos de vagar e aos poucos fui aumentando a velocidade, ela dizia quero mais, mete mais safado, me come gostoso. Estava metendo com vontade, a cada metida o barulho que deva nos deixava com mais tesão, ela gemia gostoso sem parar, mas não sabia se ela já estava quase gozando, então decidi parar para trocarmos de posição.Deito no chão, em cima das roupas, ela prontamente veio em minha direção, pega meu cacete na mão e da uma boa chupada e em seguida já o coloca todinho dentro da bucetinha ainda mais molhada e quente. Que delicia de cavalgada que a Pri fez, subia e descia alternando o rítimo, hora mais lento rebolando gostosinho, hora mais rápido e com força. Não demorou muito ela começou a gemer loucamente e a gozar gostoso, seu corpo estremecia, seu gemido já estava mais baixo, foi subindo e descenco cada vez mais de vagar, até parar e deitar sobre o meu corpo.Ficamos assim uns 5 minutos, nos beijamos, abraçamos, sentindo o calor do corpo do outro, mas ...