1. O castigo da jessica.


    Encontro: 30/11/2018, Categorias: Sadomasoquismo, Autor: jessicaputinha, Fonte: ContoErotico

    ×OPS! Você tem pedidos de amizade pendentesClique aqui para visualizar.×OPS! Você tem mensagens não lidasClique aqui para visualizar.×OPS! Você tem comentarios em seus contos pendentesClique aqui para visualizarLogo conto erotico pequenoEnviar contoUtilize o formulario abaixo para publicar o seu conto em nosso site.ATENÇÃO: Contos duplicados não serão publicadosUsername:jessicaputinhaCategoria:Email:EmailNão será exibido seu email nos contos conforme configuração em seu cadastro. Caso queria exibir você tera que alterar essa opção no seu cadastro no painel de controle antes de enviar esse conto.Nome do Conto:Nome do ContoCorpo do Conto:Oi. Pra quem nao me conhece eu sou o pai da jessica, que como ja devem saber é uma puta mimada. Eu ha poucos dias é que descobri isso quando apanhei essa porquinha no quarto dela ajoelhada no chao a fazer broches a 5 rapazes. Eu nao queria acreditar no que os meus olhos estavam a ver, mas continuei escondido assistindo tudo. No fim encheram a boca dela d esporra, esperaram que ela engolisse tudo e fugiram pela janela do quarto. Ela enrrolou-se numa toalha, saiu do quarto, e eu fingi que estava a passar naquela hora pra que ela nao percebesse que eu tinha visto tudo. Ela toda sonsa ainda teve a lata d me dizer:-Ola papá. Vou tomar duche.-Pois, bem que precisas. Que gemidos eram aqueles no teu quarto?-Ah, era so um filme que eu estava a ver papá.-Um filme??? E a protagonista chamava-se jessica, nao era?Ela demorou um pouco pra me responder e ... disse-me:-Como assim papá?-A actriz principal do filme eras tu. Eu vi muito bem o que estavas a fazer sua porcalhona.-Mas papá, eu nao... Eles é que...-Tu nao o que nojenta? Nao estavas a gostar era?-Nao fales assim comigo papá. Eu sou a tua princezinha.-Tu es uma puta mimada, é o que tu es.Eu ja estava louco d tezao pela mnha propria filha, e ja so me apetecia foder aquela porquinha toda bem fodida. Eu abri o cinto, e baixando as calças disse-lhe:-Agora vais fazer-me o mesmo que estavas fazendo no teu quarto com aqueles 5 tarados.Ela sem acreditar no que tinha acabado d ouvir, respondeu-me:-Mas papá, eu sou a tua filha. Eu nao posso...-Nao podes o que sua nojentinha? Podes e deves. Vai, começa ja a chupar porca do caralho.Ela muito envergonhada e com medo, ajoelhou-se na mnha frente bem submissa e d cabeça baixa. Eu agarrei-a pelos cabelos e comecei a forçar a entrada do meu caralho na boquinha daquela puta mimada. Ela debatia-se dizendo:-Pára papá. Nao faças isso...-Eu faço o que eu bem entender contigo sua nojentinha.Ela abriu a boca pra me responder, mas eu aproveitei a oportunidade e enfiei o meu caralho todo naquela boquinha d broche. Ela involuntariamente chupava e babava-se toda como uma porquinha, e aquilo deixava-me louco d tezao. Ela tentava escapar desviando a cara e empurrando-me pra tras, mas eu agarrei-a pelos cabelos e continuei com o meu caralho bem tezo enfiado na boca daquela nojentinha que entre gemidos me dizia:-Pára papá...nhac nhac nhac...eu sou a tua ...
«12»