1. TIO GERALDO - GERALDÃO OU CAVALÃO ?


    Encontro: 08/11/2018, Categorias: Gays / Homossexual, Autor: lubebutt, Fonte: ContoErotico

    a trepada mais gostosa que já dei. Quero ser seu macho a partir de hoje. E ninguém mais vai foder esse reguinho cabeludo. É só do titio Cavalão. Hummmmm! rebola mais, amorzinho. Rebola. Mastiga minha rola. Mastiga, putinho. Pula na caceta. Pula, meu cowboy. Huuuuuuummmmmmmmmm. Ischhhhhhhhhhhhhhh. Puta que pariu. Estou quase ....._ Quando fui responder àquelas putarias , de repente sinto meu rabo se alagar com uma coisa melada e quente. Só ouvi um urro de titio._ARGGGHHHHHHHHH!, HUMMMMMMMMMMMM! ISSCHHHHHHH! Nossa benzinho, te esporrei todo. Hummmmmmmmmm! Ischhhhhhhh! Desculpa seu homem, não consegui te esperar. Hummmmm, hummmmmmm! Ischhhhhhhhh! Mas o titio vai continuar engatado em sua raba. Acelera essa bronha gostozinho, relaxa e deixa a porra jorrar enquanto minha tora ainda está dura em seu cuzinho. Vai, vai, Goza delicia! Goza!_ Aaaaaiiiiiii, aaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiii! Que Delicia! Aiiiiiiiiiiiiii ! Tô gozaaannnndddooooooooooooooooo, com um pau no cu. Hummmmmmmmmmm. Quero cacete todo dia, toda hora. Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii._ Gostou tesãozinho? O tio foi bem?Ainda engatado na tora, que também ainda estava dura, respondi:_ Porra tio! O senhor é muito bom. Meu cu já é só seu. Mas quero todo dia. Mude para cá. Mamãe vai adorar e o senhor pode dividir o quarto e a cama comigo.- Boa ideia. Vou falar com sua mãe e me mudar urgente, Como agora sou seu macho, preciso ficar por perto. Vou te arrombar todo dia. Mas agora desengate sua “raba” de meu cacete de uma vez que quero ver a porra escorrendo e o tamanho do estrago. Levante de uma vez. Ok?_ Assim o fiz. Quando me desengatei e levantei, expeli uma enxurrada de porra grossa. Titio enlouqueceu. Seu “porrete” voltou a endurecer e repetimos tudo naquele mesmo instante.Depois de saciados, titio despediu-se e menos de uma semana depois estávamos fodendo todos os dias em meu quarto, e meu cu acolhe direitinho a vara de meu macho.Que tio! que Geraldão! Que CAVALÃO!
«1234»